close
Podcast

MegaProsa | Ep.47 – Nossa vez de falar de “13 Reasons Why”

A série 13 Reasons Why (Por 13 Razões em português) estreou na Netflix no dia 31 de março de 2017 e, desde então, tem sido uma das séries mais comentadas do ano. Além de tratar de assuntos polêmicos como bullying, a série se tornou um bom exemplo do “falem bem ou falem mal, mas falem de mim” por abordar de forma central em sua narrativa um tema que é mais do que polêmico, é um tabu: o suicídio.

Como se isso não bastasse, o desenvolvimento da serie também foge do convencional, já que a narradora que nos conduz durante toda a historia está morta e nos revela isso logo nos primeiros minutos do primeiro episódio.

A partir disso, embarcamos com o protagonista Clay Jensen em uma jornada onde o caminho se torna mais importante do que o destino (que já foi revelado).

Neste MegaProsa sobre 13 Reasons Why contamos com um reforço especial da Psicóloga e Psicanalista Carla Bonfim, que nos ajudou a aprofundar sobre este tema tão delicado.

Se você gostou da série, esse MegaProsa está especialmente imperdível. Se não gostou, você certamente a verá com outros olhos. E você que não viu ainda? Assista primeiro, nós recomendamos. Mas veja aos poucos, sem maratona dessa vez (orientação da nossa convidada).

Participantes:

Links:

Setembro Amarelo: www.setembroamarelo.org.br

Site da Carla: www.carlabonfim.com.br

Opções de áudio:

  • Streaming
  • Download do arquivo (128 kbps)
  • Feed no Itunes e Android.

Para mais podcasts sobre cultura pop e muito mais, fique ligado no Rota42.

Tags : 13 Reasons WhyConvidadaNetflixPsicologaSéries de TV
Morato

O autor Morato

Alguns dizem que é o único membro do Rota42 que deu certo na vida. Na verdade é o que engana melhor... PC gamer, viciado em filmes e series e no momento participando das reuniões do N.A (Netflix Anônimos)...
  • baco

    Belo programa!
    Ouvi uma teoria de que o Clay é esquizofrênico – toma remédios e tal – e que tudo pode ser fruto da mente dele (inclusive o Tony nunca apareceu se relacionando com outro personagem da série). É uma teoria meio surreal, mas não houve nenhuma explicação para esses remédios.
    Abração!