close
GamesNotíciasPlaystation 4Xbox One

Rockstar San Diego | Um péssimo lugar para se trabalhar?

Quem nunca reclamou do seu trabalho? Poucos conseguiriam responder não a essa pergunta. São muitos os fatores que contribuem para um ambiente de trabalho ruim. Pode ser o chefe, o espaço físico e, claro: até o salário propriamente dito. Porém, é de se destacar que uma área que nunca esperaríamos encontrar profissionais reclamando é a de desenvolvimento de jogos. E pode ter certeza, eles reclamam MUITO.

O que levantou mais uma vez essa questão foi a notícia do adiamento do jogo Red Dead Redemption 2 (RDR2) que é desenvolvido pela Rockstar e distribuído pela Take-Two Interactive. O game de velho oeste era um dos mais esperados do ano, já que é a sequência do que muitos consideram, o melhor jogo da geração passada (PS3 e Xbox 360). Claro, com um projeto desse tamanho adiado, começaram a surgir perguntas sobre os motivos que levaram a desenvolvedora a tomar essa decisão. A notícia do adiamento foi anunciada pela desenvolvedora em seu blog.

Oficialmente, foi dito que era necessário mais tempo para aperfeiçoar o produto, já que estão desenvolvendo um game do zero pela primeira vez nas novas plataformas (PS4 e Xbox One) – sim, gente, lembre-se que GTA 5 é um port.

Rockstar RDR 2

Mas o que faz um produto ser adiado em quase um ano? Difícil afirmar, mas só consigo imaginar o que se passa na cabeça dos programadores da Rockstar. Desenvolvimento de jogos é algo muito organizado. Se o jogo está programado para ser lançado em dezembro de 2020, dificilmente ele perderá essa data. Mesmo com dezenas – e algumas vezes centenas – de profissionais envolvidos (obviamente, os programadores, além de ilustradores, músicos, engenheiros de som, etc.) é um mercado extremamente pontual. Além disso, existe todo um glamour pela área. Grande maioria dos jogadores já pensou em trabalhar na indústria.

Infelizmente, nem tudo são flores. Como disse acima, esse é um mercado extremamente pontual, então acredite, concessões são feitas para que esses prazos sejam cumpridos. Os mais atingidos são os programadores dos jogos que tanto amamos. O Glassdoor é um site onde funcionários podem deixar feedback sobre os locais que trabalhou. A página da Rockstar San Diego é um show de horrores.

Alguns dos comentários traduzidos:

  • Não é um lugar para os mais bonzinhos. Sua vida social vai sofrer, sua família vai sofrer.

  • Péssima gestão de bullying. Péssimas condições de trabalho. Intermináveis horas extras de trabalho. Promessas não cumpridas. Baixa remuneração pela estatura do estúdio.

  • Pior lugar para se trabalhar em toda a indústria de jogos.

São várias reclamações, todas no mesmo nível.

Rockstar RDR 2 1

Lembrando que estamos falando de um único estúdio. Por exemplo, no anúncio de Destiny 2, Mark Noseworthy, líder de projeto do game da Bungie, disse que “a equipe está se matando” para que o jogo seja entregue em setembro. Pode ser um modo de falar, mas definitivamente não cai bem em uma indústria que trabalha com prazos apertados.

Esse é um bom exemplo do que pode estar ocorrendo por trás de algumas horas de diversão diante da TV na sala de estar. São homens e mulheres dedicando várias horas de trabalho árduo, muitas vezes com péssimas condições de trabalho. É importante lembrar, que como muitas áreas de trabalho, desenvolvimento de games não é regulamentado e não existe uma união/sindicado que os protejam.

Para mais informações sobre games e tudo o mais, fique ligado no Rota42.

Tags : BungieDestiny 2Red Dead RedemptionRockstarRockstar San DiegoTake-Two
Thomaz Maioline

O autor Thomaz Maioline

Leitor de ficção cinetífica, hi-tech afficionado, fã de Seinfeld. Fanático com música, livros e quadrinhos. Caçador de barganhas.